.mais sobre mim

.pesquisar

 


. Quem Aprova Este Blog


Aprovado pelo VICKYS.com.br



.posts recentes

. O Cão

. Calendários 2010

. Os dez mandamentos das cr...

. Multiplicar Com Os Dedos

. Pinóquio para verificar

. Máscaras

. O que é a dislexia?

. Grupo Nominal e Grupo Veb...

. Sílaba e divisão silábica

. Ditongos e Dígrafos

.Baú

. Setembro 2013

. Fevereiro 2010

. Junho 2009

. Maio 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. adivinhas

. ambiente

. anedotas

. animais

. aniversários

. anjinhos

. aprende

. cao

. carnaval

. conselhos úteis

. contos tradicionais

. culinária

. dia da mãe

. dias comemorativos

. direitos...

. estações do ano

. família

. familia

. faz tu

. gramática

. história de portugal

. histórias

. ideias

. imprime

. jogos

. jogos tradicionais

. lengalengas

. máscaras

. miminhos

. monumentos

. natal

. o que faz...

. para colorir

. parabéns

. páscoa

. passatempos

. pinta

. provérbios

. reciclagem

. sabia que...

. sabias que...

. santos populares

. saúde

. todas as tags

. Que horas são?

Link-me!



Link-Me



Link-Me



.Mural

.Tudo para os Animais

Loja para mascotes






Olá. Seja bem vindo!


Obrigada por sua visita! Você já esteve aqui

Sexta-feira, 30 de Janeiro de 2009

O que é a dislexia?

 

 

 

 

Dislexia: (do grego) dus = difícil, mau; lexis = palavra

"Embora se fale de dislexia, ao certo sabe-se ainda muito pouco, as respostas são insuficientes, as crianças, as famílias, as escolas, vivem esta problemática desamparados"

 

Dislexia é...

"Uma desordem, que se manifesta pela dificuldade de aprender a ler, apesar da instrução ser a convencional, a inteligência normal e das oportunidades socioculturais.
Depende de distúrbios cognitivos fundamentais que são, frequentemente, de origem constitucional..."
(Federação Mundial de Neurologia, 1968).

"A Dislexia é uma dificuldade duradoura de aprendizagem da leitura e aquisição do seu automatismo, junto de crianças inteligentes, escolarizadas, sem quaisquer perturbações sensoriais e psíquicas já existentes.
(APEDYS - França).

Nem os pais, nem os professores são responsáveis por esta dificuldade específica de aprendizagem. Porém não devem

ignorá-la.


Sinais de Alerta:

- Dificuldades na linguagem oral;
- Não associação de símbolos gráficos com as suas componentes auditivas;
- Dificuldades em seguir orientações e instruções;
- Dificuldades de memorização auditiva;
- Problemas de atenção;
- Problemas de lateralidade.



A escrita disgráfica pode observar-se através das seguintes manifestações:

 - traços pouco precisos e incontrolados;
 - falta de pressão com debilidade de traços;
 - ou traços demasiado fortes que vinquem o papel;
 - grafismos não diferenciados nem na forma nem no tamanho;
 - a escrita desorganizada que se pode referir não só a irregularidades e falta de ritmo dos signos gráficos,
   mas também a globalidade do conjunto escrito;
 - realização incorrecta de movimentos de base, especialmente em ligação com problemas de orientação
   espacial, etc.


Na leitura e/ou na escrita:
 
 - possíveis confusões
  (ex: f/v; p/b; ch/j; p/t; v/z ; b/d...)
 
 - possíveis inversões;
  (ex: ai/ia; per/pré; fla/fal; cubido/bicudo...)
 
 - possíveis omissões:
  (ex: livo/livro; batata/bata...)
 
 
 Respostas urgentes a implementar:
 
 - Criação de estruturas de despiste e reeducação precoces.
 - Consultas multidisciplinares para avaliação compreensiva de casos.
 - Formação de professores numa pedagogia específica.
 - Meios de informação sobre estruturas de apoio a alunos com dislexia.


 Intervenção na sala de aula:

Partindo do princípio fundamental de que não há "receitas" infalíveis e adaptáveis a todos os casos. Antes pelo contrário, cada caso é um caso e deve ser encarado  na sua singularidade e especificidade.


Todavia, podem-se apontar algumas pistas de conduta e facilmente aplicáveis numa sala de aula.

1- Colocar o aluno numa das carteiras mais próximas do professor para que este o possa "vigiar" a atenção e dificuldades do aluno;

2- Eliminar possíveis focos de distracção (materiais desnecessários, janelas, colegas desconcentrados,barulhos,...); 

 

 

 

 

3- Organizar os materiais de trabalho do aluno (organização do dossier, esquemas de cores, pasta de arquivos de trabalhos realizados,...);
    


4- Aulas de apoio individualizado a Língua Portuguesa (tendo em conta as dificuldades mais relevantes apresentadas pelo aluno);
    


5-
Tomar uma atitude de "reforço positivo" junto do aluno, valorizando mais os progressos que as falhas.

 

 

 

 

Domingo, 25 de Janeiro de 2009

Grupo Nominal e Grupo Vebal

 

 

 

 

 

Quase toda a frase é constutuída por dois grupos fundamentais:

 

Grupo Nominal - GN

Grupo Verbal - GV

 

* O nome é a palavra principal do grupo nominal.

 

* O verbo é a palavra principal do grupo verbal.

 

O GN e o GV da frase tê, entre si, uma relação de concordância: se o GN é singular o GV também é singular; se o GN é plural o GV também é plural.

 

Normalmente, o GN escreve-se antes do GV.

 

in, http://www.sitiodosmiudos.pt/gramatica/default2.asp?url_area=A7

 

 

O sujeito e o predicado

 

Na frase, o grupo nominal (GN) indica quem pratica a acção e tem a função de sujeito.

 

Para encontrares o sujeito de uma oração, faz a pergunta:

Quem é que?... ou Que é que?...

 

 O grupo verbal (GV) indica as acções praticadas pelo sujeito e tem a função de predicado.

 

 

Para encontrares o predicado da oração, pergunta:

Que faz? ou Como está?
 

Em algumas frases há um grupo de palavras que se pode escrever no início, no meio ou no fim das frases, sem lhes alterar o sentido. É o grupo móvel (GM). 

 

 

in, http://www.sitiodosmiudos.pt/gramatica/default2.asp?url_area=A

 

 

005x1772

 

Terça-feira, 20 de Janeiro de 2009

Sílaba e divisão silábica

 

 

 

005xax88

 

 

 

As palavras são formadas por sons ou fonemas que, por sua vez, formam sílabas.

 

Chamamos sílaba a um conjunto de letras que se pronuncia de uma só vez.

Uma palavra pode ter uma, duas ou mais sílabas.

 

 

Quanto ao número de sílabas, as palavras

classificam-se em:

 

monossílabos - quando têm só uma sílaba, como em pai;

 

dissílabos - quando têm duas sílabas, como em casa;

 

trissílabos - quando têm três sílabas, como em escola;

 

polissílabos - quando têm mais de três sílabas, como em automóvel.

 

 

Em todas as palavras há uma sílaba que se pronuncia com mais força - é a sílaba tónica.

 

As restantes sílabas chamam-se sílabas átonas.

 

A sílaba tónica de uma palavra pode ser a última, a penúltima ou a antepenúltima.

 

 

Conforme a posição da sílaba tónica, as palavras classificam-se em:

 

agudas - quando a sílaba tónica é a última, como em boné;

 

graves - quando a sílaba tónica é a penúltima, como em foca;

 

esdrúxulas - quando a sílaba tónica é a antepenúltima, como em pêssego.

 

in, http://www.sitiodosmiudos.pt/gramatica/default2.asp?url_area=A6

 

 

 

 

 

 

 

 

Quinta-feira, 15 de Janeiro de 2009

Ditongos e Dígrafos

 

 

 

 

 

 

Chama-se ditongo à combinação de duas vogais que se pronunciam ao mesmo tempo, formando uma só sílaba, e que podem ser orais ou nasais.

 

São orais os ditongos que se pronunciam apenas através da boca.

 

São nasais os ditongos em que, ao pronunciarem-se, o som sai pela boca e pelo nariz, simultaneamente.

 

Também há conjuntos de duas consoantes ou consoante e vogal que se lêem de uma só vez para formarem um novo som - são os dígrafos.

 

Os ditongos são sons vocálicos por serem formados por vogais.

 

Os dígrafos são sons consonânticos.

 

in, http://www.sitiodosmiudos.pt/gramatica/default2.asp?url_area=A5

 

Obrigada pela visita!!! 

 

 

 

Sábado, 10 de Janeiro de 2009

Sinais de pontuação e acentuação

 

 

 

 

Sinais de Pontuação

 

Para facilitar a leitura e ajudar à compreensão

dos textos, na linguagem escrita usam-se

sinais de pontuação:


  ponto final - usa-se no final da frase e obriga o leitor a uma paragem;


  vírgula - separa os elementos da frase;
marca uma pequena pausa;


  dois pontos - usam-se antes de uma citação
ou de uma enumeração;

 
  ponto e vírgula - usa-se para separar orações   

coordenadas; obriga a uma pausa mas não termina a frase; 

             
  ponto de exclamação - utiliza-se quando se deseja exprimir surpresa, receio, admiração, etc.;

 

  ponto de interrogação - usa-se para fazer uma pergunta;


  reticências - indicam que a frase está incompleta; assinalam uma hesitação ou uma pausa ;

 
  travessão - utiliza-se nos diálogos para indicar  a fala das 
  personagens ;

 

  aspas - introduzem palavras ou citações de outros textos;


  parêntesis - assinalam informações diversas.

 

 

Sinais de Acentuação

 

 

Na linguagem escrita utilizamos três sinais de

acentuação (acentos):

 

 agudo - como em há


 grave - como em à


 circunflexo - como em experiência

 

 

Existem ainda os seguintes sinais auxiliares da escrita:

 

 til - como em mãe


 cedilha - como em peça

 

in, http://www.sitiodosmiudos.pt/gramatica/default2.asp?url_area=A3 

in, http://www.sitiodosmiudos.pt/gramatica/default2.asp?url_area=A4

  

 

Obrigada pela Visita!!!

 

Terça-feira, 6 de Janeiro de 2009

Ideia Principal

 

Bem vindo ao meu blog!!!

 

 

Uma frase pode transmitir-nos uma, duas ou

mais informações.

 

Dessas informações, uma delas é sempre mais

importante que as restantes.

Essa informação (ou oração) é a ideia principal

da frase.

 

As outras ideias da mesma frase chamam-se

acessórias e podem ser coordenadas ou subordinadas.

 

 

 

São coordenadas se estão ligadas à ideia (ou oração) principal, mas o seu sentido não depende dela.

Habitualmente, a oração coordenada liga-se à oração principal através das palavras:

 

*e

* mas

* portanto...

 

 São subordinadas quando o seu sentido depende

do da oração principal.

A oração subordinada aparece ligada à oração

principal por palavras:

  

* que

* porque

* quando...

 

in, http://www.sitiodosmiudos.pt/gramatica/default2.asp?url_area=A2

 

005wct8p

 

 

 

 

 

 

Quinta-feira, 1 de Janeiro de 2009

Comunicação e Linguagem

 

 

Olá. Seja bem vindo!!!

 

 

 

 

Falar, ouvir, ler e escrever são formas de comunicar.

 

Também se comunica com gestos, sons e sinais.

 

O meio mais usado para comunicar é a palavra.

 

 

  

 Na comunicação existe:

 

 

 

*Uma mensagem (aquilo que se pretende comunicar)

 

 * Um emissor (quem envia a mensagem)

 

 

um receptor (quem recebe a mensagem).

 

 

 

A Linguagem pode ser:

 

* Verbal (usam-se palavras)

 

* Não Verbal (comunica-se com gestos, sons,

sinais, luzes)

 

* Mista (usam-se várias formas de comunicação).

 

in, http://www.sitiodosmiudos.pt/gramatica/default2.asp?url_area=A1

 

 

 

 

Até    à próximaaa...

 
 

 

 

 

 

Cris às 16:09
| comentar | favorito

.Para Você

Anjinhos
Animais
Bublle
Cutes
Meninas
Meninas2
Meninos
Natal
Bonecas
Bonecas Palito
Selos
Barrinhas
Mini barrinhas
Hello Kitty
Fadas
Flores
Dolls
Dolls2


.Blogs Que Visito



Mariposa




*andando-e-pensando
*olha_por_mim
*Já Cheguei






.links

.Créditos



Clique aqui e tenha acesso  ao Site Tony Gifs & Javas

Coisinhas e Tal

O melhor site de GIFs!

VICKYS.com.br

*LadyLony*

Tony Gifs & Javas




Cantinho dos Miudos



. Prémios que Ganhei



*1º Prémio