.mais sobre mim

.pesquisar

 


. Quem Aprova Este Blog


Aprovado pelo VICKYS.com.br



.posts recentes

. O Cão

. Calendários 2010

. Os dez mandamentos das cr...

. Multiplicar Com Os Dedos

. Pinóquio para verificar

. Máscaras

. O que é a dislexia?

. Grupo Nominal e Grupo Veb...

. Sílaba e divisão silábica

. Ditongos e Dígrafos

.Baú

. Setembro 2013

. Fevereiro 2010

. Junho 2009

. Maio 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. adivinhas

. ambiente

. anedotas

. animais

. aniversários

. anjinhos

. aprende

. cao

. carnaval

. conselhos úteis

. contos tradicionais

. culinária

. dia da mãe

. dias comemorativos

. direitos...

. estações do ano

. família

. familia

. faz tu

. gramática

. história de portugal

. histórias

. ideias

. imprime

. jogos

. jogos tradicionais

. lengalengas

. máscaras

. miminhos

. monumentos

. natal

. o que faz...

. para colorir

. parabéns

. páscoa

. passatempos

. pinta

. provérbios

. reciclagem

. sabia que...

. sabias que...

. santos populares

. saúde

. todas as tags

. Que horas são?

Link-me!



Link-Me



Link-Me



.Mural

.Tudo para os Animais

Loja para mascotes






Olá. Seja bem vindo!


Obrigada por sua visita! Você já esteve aqui

Quinta-feira, 28 de Fevereiro de 2008

Fantoches de Trapo

 

Constrói um fantoche com trapos e tecidos velhos. Até podes, com mais personagens, fazer um teatrinho ou uma peça!

É preciso:

  • Trapos velhos: panos, bocados de tecido, etc.

  • Pedaços de tecido diferentes, de várias cores e tamanhos

  • Um pau com cerca de 20 cm e da grossura de um dedo

  • Cola

  • Marcadores: preto e de outras cores

  • Cordel (ou um elástico forte)

  • Tesoura (usa com cuidado)

  • Lã (para fazer de cabelo)

trapos velhos e tecidos
pau
cola
marcadores
novelo
tesoura
Como fazer:  

1 - Enrola vários pedaços de trapos velhos na ponta do pau, de modo a obteres uma cabeça, bem redonda.

2 - Usa um trapo branco (ou de um tom claro) para embrulhares tudo e amarra com força o remate à volta do pau. Podes usar o cordel ou o elástico.

3 - Escolhe um pano para ser o "vestido" do boneco. Coloca-o à volta do “pescoço”, mas vira-o para cima. Prende-o com o fio, por dentro. Assim, ao virares de novo o tecido para baixo fica sem se ver o fio.
4 - Decide se queres "mais roupa" ou se é preciso "decorar" a que escolheste: pôr um "xaile", uma "gravata", um ou mais botões, etc. Cola ou amarra, como já explicámos.

5 - Trata de colar o "cabelo" (lã) ou pôr um lenço, um chapéu, etc.


6 - Com os marcadores, desenha a boca, os olhos e o resto do que for preciso no rosto.

Ficou ou não ficou muito divertido? Faz mais alguns e brinca aos teatrinhos!

 

 

 

 

tags:
Cris às 00:01
| comentar | favorito
Terça-feira, 26 de Fevereiro de 2008

Porque é que só alguns ovos é que dão pintos?

  

Olá! sejam bem vindos!!!

um pintainho a crescer lá dentro, é preciso que a galinha tenha estado com o galo, e que ele tenha deixado nela a sua sementinha.

  • Só com a semente do galo no ovo da galinha é que pode nascer dele um pinto.

  • Sem haver a relação com o galo, a galinha continua a pôr ovos, mas esses nunca darão pintos porque não estão fecundados ou, como se diz, galados.
  •  

     


     

     

    Cris às 00:01
    | comentar | favorito
    Domingo, 24 de Fevereiro de 2008

    Dormir e o Sono

    Sejam todos bem vindos!!!

     

      - Vamos para a cama!
      - Por que é que tenho de ir para a cama? Não tenho sono…


      O sono é mais importante do que parece.
      Talvez te lembres de uma vez em que não dormiste o suficiente, ou já tenhas ouvido dizer aos adultos que um bebé está com uma birra porque tem sono.


      Por que é que dormir faz falta?

    • As crianças (tal como os adultos) têm dias cheios: há a escola, as tarefas de cada um, o brincar, as actividades extra-curriculares, os trabalhos de casa, etc. Só de enumerar tudo, cansa!
      No final do dia, o corpo precisa de uma pausa, precisa de dormir.

    • O sono permite ao corpo recuperar energias para o dia seguinte.Todos os seres vivos têm ritmos de actividade e de repouso.
      Mesmo o canário ou o gato se enrolam para descansar e dormir.

    • O sono não é apenas importante para o corpo, é essencial ao cérebro! E é o cérebro que nos comanda que precisa desse tempo para tarefas muito importantes, ora lê.

    • Os cientistas ainda hoje pesquisam o que faz o cérebro quando dormimos, mas sabe-se que é o
      momento em que ele selecciona e "arruma" a informação, trabalha na resolução de problemas e repõe as energias.

    • A maior parte das crianças, entre os 5 e os 12 anos, dorme cerca de 9 horas e meia por noite, mas os peritos acham que deviam dormir mais: entre 11 e 12 horas.
      No entanto, o sono é uma acção individual: uns precisam de dormir mais tempo do que outros.

    • Quando o nosso corpo não repousa o suficiente, dormindo, ficamos rabugentos, cansados, e até sem conseguir pensar claramente. Seguir orientações torna-se mais complicado, discute-se mais e não se consegue seguir uma aula como deve ser ou realizar tarefas fáceis que exigem habilidade. No fundo, está-se a tentar dormir estando acordado!

    • A mais importante razão para dormir o suficiente é que é dormindo que crescemos!
      O nosso cérebro, quando estamos a dormir, liberta substâncias químicas que nos fazem crescer.

    • Para mais, é também nessa altura que o nosso cérebro (outra vez ele) liberta outras substâncias que controlam o nosso sistema imunitário - que, se estiver são, nos impede de ficar doentes.

      As fases do sono

    • Quando se está a adormecer, parece que acontece pouca coisa, mas não é assim... Os olhos vão-se fechando e... O cérebro entra em acção!

    • Como?
      Dizendo ao corpo como dormir: ao adormecer, numa noite normal, passamos por cinco fases de sono.

        Fase 1
        Nesta fase o cérebro dá sinal aos músculos para relaxar. Diz ao coração para bater um pouco mais devagar e a temperatura desce também um pouco.

        Fase 2
        Um pouquinho de tempo depois entra-se na segunda fase, que é um sono leve. Nesta altura ainda é fácil sermos acordados. Se alguém fizer mais barulho ou nos tocar, é normal que acordemos.

        Fase 3
        Nesta fase entramos num sono mais profundo. O cérebro envia mensagens para a pressão sanguínea baixar. O corpo torna-se menos sensível às variações de temperatura exteriores, o que faz que não se note se o local onde estamos aquece ou arrefece.
        Nesta fase é difícil sermos acordados, mas é o momento em que as pessoas sonâmbulas (que andam durante o sono) ou as que falam a dormir o fazem.

        Fase 4
        Esta é a fase de sono mais profundo. Acordar, nesta altura é muito difícil, e se isso acontecer, fica-se confuso por uns minutos, sem se perceber onde se está e o que se passa.
        Tal como na fase 3, é o momento em que as pessoas sonâmbulas (que andam durante o sono) ou as que falam a dormir o fazem, ao passarem da fase 4 para outra mais leve.

        Fase REM (REM - Rapid Eye Movement)
        REM é uma sigla inglesa e significa Rapid Eye Movement (Movimento Rápido dos Olhos). Mesmo sabendo que os músculos do corpo estão totalmente relaxados, os olhos mexem-se rapidamente de um lado para o outro por detrás das pálpebras.
        A fase REM é quando o coração bate mais depressa e a respiração é menos regular. É também a fase em que se sonha!

    • Quando dormimos, repetimos as fases 2, 3, 4 e REM a cada 90 minutos, mais ou menos, até que acordamos de manhã - por isso, conseguimos lembrar-nos melhor das últimas coisas que sonhamos.
      Para a maior parte das pessoas dá quatro ou cinco ciclos por noite.

    • Os pesadelos são sonhos que reflectem questões que nos preocupam ou nos perturbam, reproduzindo experiências, transformadas.

    • Lembras-te de dizermos que quando dormimos o nosso cérebro «arruma» a informação? Pois, mas há coisas que são complicadas de arrumar - essas coisas geram pesadelos.

    • É também por isso que existe o provérbio que diz que «a noite é boa conselheira».


      004zp6qa

    Obrigada pela visita.

    Volte sempre!!!

    Cris às 00:01
    | comentar | favorito
    Sexta-feira, 22 de Fevereiro de 2008

    Grupo Nominal e Grupo Verbal

    006fht04

    Sejam bem vindos!!!

    Grupo nominal e grupo verbal

     

    Qualquer frase é constituída por dois grupos fundamentais:

    grupo nominal - GN
    grupo verbal - GV


    O nome é a palavra principal do grupo nominal.
    O verbo é a palavra principal do grupo verbal.

    O GN e o GV da frase têm, entre si, uma relação de

    concordância: se o GN é singular o GV também

    é singular; se o GN é plural o GV também é plural.
    Normalmente, o GN escreve-se antes do GV.

     

     

    006cwpg3

    Obrigada pela visita.

    Volte sempre!!!

     

     

     

    Cris às 00:01
    | comentar | favorito
    Quarta-feira, 20 de Fevereiro de 2008

    Porque é que os balões sobem no ar?

    Olá. Bem vindo ao meu blog!!!

     
    • Os balões são feitos de uma borracha muito fininha que se enche de um gás que é mais leve do que o ar.

    • Quando um objecto é mais leve do que o ar, sobe em direcção ao céu. Se não fosse, nem sequer se afastava do chão.

    • Por isso é que os balões que flutuam sozinhos têm que estar presos por um fio. Se não, começam a voar e nunca mais os vemos.

    • Sabias que eles não chegam ao espaço? A uma determinada altura rebentam e a borracha volta a cair na Terra.

    • Às vezes, sem querer, as tartarugas e outros animais marinhos comem esses restos de borracha por engano e morrem asfixiados...

     

     

    Obrigada pela visita.

    Voltem sempre!!!

     

    Cris às 00:01
    | comentar | favorito
    Segunda-feira, 18 de Fevereiro de 2008

    Sílaba e Divisão Sílábica

    006pxr3f


    Sílaba e divisão silábica

    As palavras são formadas por sons ou fonemas

    que, por sua vez, formam sílabas.

    Chamamos sílaba a um conjunto de letras que se

    pronuncia de uma só vez.

    Uma palavra pode ter uma, duas ou mais sílabas.

    Quanto ao número de sílabas, as palavras

    classificam-se em:


    monossílabos - quando têm só uma sílaba, como em pai;


    dissílabos - quando têm duas sílabas, como em casa;


    polissílabos - quando têm três ou mais sílabas, como

    em escola e automóvel.

     

    Em todas as palavras há uma sílaba que se pronuncia

    com mais força - é a sílaba tónica.

     As restantes sílabas chamam-se sílabas átonas.

     

    A sílaba tónica de uma palavra pode ser a última,

     a penúltima ou a antepenúltima.

    Conforme a posição da sílaba tónica, as palavras

    classificam-se em:


    agudas - quando a sílaba tónica é a última,

    como em boné;


    graves - quando a sílaba tónica é a penúltima,

    como em foca;


    esdrúxulas - quando a sílaba tónica é a antepenúltima,

    como em exercício.

    006rrabc

    Cris às 00:01
    | comentar | favorito
    Sábado, 16 de Fevereiro de 2008

    Barco de Papel

    Com água, num alguidar, num lavatório, numa banheira ou onde houver água calma, podes brincar e navegar com o teu barquinho de papel...

    É preciso:

    • 1 folha de papel rectangular (da cor que quiseres)

    Como fazer:  

    1 - Dobra a folha ao meio no sentido da largura.

    2 - A seguir, marca o centro folha dobrando-a novamente.

    3 - Abre e dobra as duas bordas em triângulo (onde a folha está unida). 4 - Agora, dobra cada uma das bases para cima.



    5 - "Remata" os cantos, dobrando-os, de modo a prolongarem o triângulo, cada um para seu lado.

    6 - "Abre" o triângulo e dobra-o, unindo as pontas: fica um quadrado.

     

    7 - Em seguida, dobra para cima cada uma das "bases abertas".

    8 - "Abre" de novo a dobragem, puxando os topos ao mesmo tempo para os lados.



    9 - Ajeita o fundo, para se segurar em pé, e tens o teu barco pronto!

    Se quiseres, podes pintar o "casco" e dar-lhe um nome.


    Ideias:

    - Se usares papéis de promoção dos supermercados ou folhas de revista (mais grossas) vais obter barcos que aguentam bastante tempo na água.
    - Consoante o tamanho da folha, terás barcos de diferentes tamanhos.
    - Podes pintar as folhas antes ou usar folhas de cores lisas.


    Boa navegação! Constrói uma frota!
     

     

     

    Obrigada pela visita.

                        Apareça mais vezes!!!

     

    tags:
    Quinta-feira, 14 de Fevereiro de 2008

    Dia dos Namorados

     

     

     

               Olá, Bem Vindo

    Hoje é o "Dia dos Namorados"

    O Dia dos Namorados, é conhecido em muitos países

     como Dia de São Valentim.

     É uma data comemorativa, na qual se celebra a

    união amorosa entre casais.

    É comum a troca de cartões com mensagens românticas

    e presentes com o mesmo simbolismo bem como

    as tradicionais caixas de bombons em formato de coração.

     

     

     

     

    Obrigada pela Visita

       Volte sempre!!!

     

    Terça-feira, 12 de Fevereiro de 2008

    Porque se Regam as Plantas

    • Se vivessem sozinhas na Natureza, as plantas não precisavam de ser regadas. A Mãe Natureza é que ficaria encarregue dessa tarefa, através da água da chuva.

    • No entanto, muitas pessoas gostam de ter o seu próprio jardim, ou então uma planta em casa. E aí, a chuva, a água natural, não consegue tomar conta das plantas.

    • Sem a ajuda de alguém que lhes dê água, as pobres plantinhas não se conseguem alimentar.

    • Ficam com sede, secam e morrem.

    • Assim, regam-se as plantas para que as suas raízes e folhas possam beber a água de que precisam.

    • De vez em quando convém pôr adubo ou vitaminas na água das plantas, para lhes dar mais força.

    • Normalmente a planta iria buscar essas vitaminas à terra, mas como está num vaso, essas vitaminas acabam depressa e é preciso repô-las.

    • Só assim a planta e as suas flores crescem e ficam bonitas e fortes, tal e qual como nós quando nos alimentamos bem!

    0003c3hd

     

    Domingo, 10 de Fevereiro de 2008

    Ditongos e Dígrafos

    006pwy69


    Ditongos e dígrafos

    Chama-se ditongo à combinação de duas

    vogais que se pronunciam ao mesmo tempo, formando uma só sílaba, e que

    podem ser orais ou nasais.

    São orais os ditongos que se pronunciam

    apenas através da boca.

    São nasais os ditongos em que, ao

    pronunciarem-se, o som sai pela boca

     e pelo nariz, simultaneamente.

     

    Também há conjuntos de duas

    consoantes ou consoante e vogal

    que se lêem de uma só vez para

    formarem um novo som -

     são os dígrafos.

    Os ditongos são sons vocálicos por serem formados por vogais.

    Os dígrafos são sons consonânticos.

    006rx5qp

    Cris às 00:01
    | comentar | favorito

    .Para Você

    Anjinhos
    Animais
    Bublle
    Cutes
    Meninas
    Meninas2
    Meninos
    Natal
    Bonecas
    Bonecas Palito
    Selos
    Barrinhas
    Mini barrinhas
    Hello Kitty
    Fadas
    Flores
    Dolls
    Dolls2


    .Blogs Que Visito



    Mariposa




    *andando-e-pensando
    *olha_por_mim
    *Já Cheguei






    .links

    .Créditos



    Clique aqui e tenha acesso  ao Site Tony Gifs & Javas

    Coisinhas e Tal

    O melhor site de GIFs!

    VICKYS.com.br

    *LadyLony*

    Tony Gifs & Javas




    Cantinho dos Miudos



    . Prémios que Ganhei



    *1º Prémio