.mais sobre mim

.pesquisar

 


. Quem Aprova Este Blog


Aprovado pelo VICKYS.com.br



.posts recentes

. O Cão

. Calendários 2010

. Os dez mandamentos das cr...

. Multiplicar Com Os Dedos

. Pinóquio para verificar

. Máscaras

. O que é a dislexia?

. Grupo Nominal e Grupo Veb...

. Sílaba e divisão silábica

. Ditongos e Dígrafos

.Baú

. Setembro 2013

. Fevereiro 2010

. Junho 2009

. Maio 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

.tags

. adivinhas

. ambiente

. anedotas

. animais

. aniversários

. anjinhos

. aprende

. cao

. carnaval

. conselhos úteis

. contos tradicionais

. culinária

. dia da mãe

. dias comemorativos

. direitos...

. estações do ano

. família

. familia

. faz tu

. gramática

. história de portugal

. histórias

. ideias

. imprime

. jogos

. jogos tradicionais

. lengalengas

. máscaras

. miminhos

. monumentos

. natal

. o que faz...

. para colorir

. parabéns

. páscoa

. passatempos

. pinta

. provérbios

. reciclagem

. sabia que...

. sabias que...

. santos populares

. saúde

. todas as tags

. Que horas são?

Link-me!



Link-Me



Link-Me



.Mural

.Tudo para os Animais

Loja para mascotes






Olá. Seja bem vindo!


Obrigada por sua visita! Você já esteve aqui

Segunda-feira, 31 de Dezembro de 2007

Ano Novo

005p42wt 

Todos os anos é o mesmo! Chegamos a 31 de Dezembro, dia de S. Silvestre, e lá vem o dia 1 de Janeiro e o Novo Ano!

  • Neste dia, depois de termos festejado o Natal com a família, chega a vez da alegria, do barulho, dos amigos e da farra!

  • Muita gente se reúne para passar a meia-noite, para o "réveillon", que é uma palavra francesa que significa "despertar do dia", mas este despertar é muito especial.

  • Em muitos locais, especialmente nas aldeias e terras pequenas, a tradição manda que haja uma fogueira e que todos estejam à sua volta nesse momento, que se coma e beba e que se confraternize com amigos, vizinhos e familiares. Depois salta-se a fogueira, para espantar os medos.

  • Nas cidades, há quem passe o ano em casa e há que vá para salões e restaurantes onde há música, se come e se dança até chegar o momento tão esperado: a meia-noite.

  • Na passagem do ano, existem tradições, que variam consoante os locais e os hábitos:
    - Comer 12 passas, uma por cada mês do novo ano. Temos de fazer um desejo para cada uma. Dá sorte!
    - Ter uma moeda na mão à meia-noite. Dá dinheiro.
    - Subir a uma cadeira. Dá poder e altura: tudo de bom.

  • Depois bebe-se champanhe ou vinho do Porto e vai-se para a rua bater em tachos e fazer barulhos com gritos e assobios.
    É para espantar os maus espíritos do Ano Velho!

  • Em muitos locais há espectáculos lindos de fogo de artifício e música.

  • Lembra-te que, com os vários fusos horários, os primeiros a festejarem o Ano Novo são os australianos... Na América festeja-se depois de nós.

  • Há outros países em que o Ano Novo se festeja já em Janeiro, mas isso é outra história!

  • Ah! Mais uma coisa: é sempre bom (dá sorte) estrear uma peça de roupa no dia de Ano Novo. Muita gente recomenda que se estreiem cuecas... Mas, no fundo, o importante é ser algo de novo.

  • No novo ano há o costume de fazer uma lista de decisões para o Novo Ano. Aquilo que se quer fazer.
  • 005qhgfs

     

     

    Cris às 00:01
    | comentar | favorito
    Domingo, 30 de Dezembro de 2007

    Língua Portuguesa

    006rhs64

    • A nossa língua é também um símbolo do País.
      Já deves ter ouvido aquela frase de Fernando Pessoa: "A minha pátria é a língua portuguesa".

      Significa que está algo de Portugal onde quer que se fale português.
      É mais um símbolo do nosso país!

    • Falam português cerca de 190 milhões de pessoas! (É mesmo muita gente) E em todos os continentes!
        - Na Europa - Portugal
        - Em África - Cabo Verde, Angola, Moçambique, Guiné-Bissau, S. Tomé e Príncipe
        - Na América - Brasil
        - Na Ásia - Macau
        - Na Oceania - Timor


    • E, claro, onde houver portugueses e Comunidades Portuguesas!

    • O Português é uma língua românica, isto é, vem do latim, como outras línguas que são parecidas com a nossa (o castelhano e o italiano, por exemplo).

    • Como todas as línguas, recebe palavras de outras línguas, que depois transforma e passam para a língua portuguesa.

      Vê estes exemplos:
      - futebol - vem do inglês foot ball
      - restaurante - vem do francês restaurant
      - chá - vem do chinês tchai
      - sanduíche - vem do inglês sandwich (que até era um apelido!)
      - esparguete - vem do italiano spaghetti
      - arara, mandioca - vêm de dialectos de tribos sul-americanas
      - pagode, quiosque - vêm de línguas asiáticas
      - cacimba, bué - vêm de línguas africanas
      - judo, dan, karaté - vêm do japonês
      - nora, azimute, alface (e todas as que começam por al-) - vêm do árabe
      -
      e há muitos, muito mais!

    • O que é giro, é que nós também espalhámos palavras nossas noutras línguas!


    Vê estes exemplos:

      - obrigado - está no japonês como arigatô (significa: obrigado)
      - marmelada - está no inglês como marmalade (significa: doce de laranja!)
      - pão - está no japonês como pan (significa: pão)
      - piranha - está no inglês igualzinha, mas lido à inglesa...
      - samba - está no inglês e em todas as línguas, igualzinha
      - e há muitos, muito mais exemplos!

    • Se tivesses uma máquina de viajar no tempo, achas que percebias o D. Afonso Henriques ou o D. Dinis? Talvez não.

      É que a língua vai mudando: mudam algumas palavras e muda a maneira como se diz...


      - "Tareja: Enverga as bragas asinha!", ordena D. Afonso.
      -
      Hã? (Teresa: Veste as calças depressa!)

      - "Hu son las barcas, Lianor?", pergunta D. Dinis.
      -
      Hã? (Onde estão os barcos, Leonor?)

    E tu, podias dizer-lhes: automóvel, computador, avião, biogenética, futebol, ténis, surfista, ozono, cibernética, etc.

      - E eles: "Hã???"


    • Em qualquer caso, lembra-te: a tua língua é também um símbolo do teu País e do que é ser português.
      Fala-a bem! Escreve-a bem!

     

     

    006ppsab

    Cris às 00:01
    | comentar | favorito
    Sexta-feira, 28 de Dezembro de 2007

    A Lenda de Timor

  • Conta a lenda que há muito muito tempo, um crocodilo já muito velhinho vivia numa ilha da Indonésia chamada Celebes.

  • Como era muito velho, este crocodilo já não tinha forças para apanhar peixes, por isso estava quase a morrer de fome.

  • Certo dia, resolveu entrar terra adentro à procura de algum animal que lhe servisse de alimento. Andou, andou, andou, mas não conseguiu encontrar nada para comer.

  • Como andou muito e não comeu nada, ficou sem forças para regressar à água.

  • Um rapaz ia a passar e encontrou o crocodilo exausto. Teve pena dele e ofereceu-se para o ajudar a voltar. Então, pegou-lhe pela cauda e arrastou-o de volta à água.

  • O crocodilo ficou-lhe muito agradecido e, em paga, disse ao rapaz que fosse ter com ele sempre que quisesse ir passear pelas águas do rio ou do mar.

  • O rapaz aceitou a oferta e, a partir daquele dia, muitas foram as viagens que os dois amigos fizeram juntos.

  • A amizade entre os dois era cada vez maior, mas, um dia, a fome foi mais forte e o crocodilo pensou que comer o rapaz era a melhor solução.

  • Antes de tomar esta decisão, perguntou aos outros animais o que achavam da ideia. Todos lhe disseram que era muito ingrato da parte dele querer comer o rapaz que o tinha salvo.

  • O crocodilo percebeu que estava a ser muito injusto e ficou com muitos remorsos. Então, resolveu partir para longe, para esconder a vergonha.

  • Como o rapaz era o seu único amigo, pediu-lhe que fosse com ele. O rapaz saltou para o dorso do crocodilo e deixou-se guiar pelo mar fora.

  • A viagem já ia longa quando o crocodilo começou a sentir-se cansado. Já exausto, resolveu parar para descansar, mas, naquele momento, o seu corpo começou a crescer e a transformar-se em pedra e terra.

  • Cresceu tanto que ficou do tamanho de uma ilha. O rapaz, que viajava no seu dorso, passou a ser o primeiro habitante daquela ilha em forma de crocodilo.

  • E assim nasceu a ilha de Timor.

     

    006s0bx7

  • Cris às 22:40
    | comentar | favorito
    Segunda-feira, 24 de Dezembro de 2007

    Feliz Natal

     

     

     

     

    005ch0kp

     

     

    A todos que me visitam, desejo um Feliz Natal,

    cheio de prendinhas no sapatinho e

    repleto de coisas boas.

    Beijocas grandes e obrigada por me visitarem.

    Cris

     

     

     

     

     

     

     

    tags:
    Cris às 12:36
    | comentar | favorito
    Terça-feira, 18 de Dezembro de 2007

    Receitas de Natal

     

    Olá, bem vindo!!!

    Bolo Rei

    Ingredientes:

    150g de açucar

    750g de farinha

    1 fava seca

    30g de fermento de padeiro

    175g de frutas cristalizadas

    250g de frutos secos

    raspa de laranja q.b.

    raspa de limão q.b.

    150g de margarina

    1 colher de sobremesa de sal

    4 ovos

    1 dl de vinho do Porto

    Preparação:

    Depois de retirar as sementes que possam haver, pique as frutas e deixe-as a macerar com o vinho do Porto (deixe algumas inteiras para enfeitar).

    Dissolva o fermento de padeiro em 1 dl de água morna, junte 1 chávena de farinha e deixe a levedar em lugar não muito frio durante 15m.

    Entretanto, bata a margarina, o açucar, e as raspas de limão e laranja, junte os ovos (batendo um a um), e o fermento.

    Quando tudo estiver bem ligado adicione o resto da farinha e o sal. Amasse até que a massa fique elástica e macia e junte as frutas, misturando muito bem.

    Molde a massa numa bola, polvilhe com farinha e tape a massa com um pano, deixando levedar num ambiente não muito frio durante 5 horas.

    Depois da massa ter duplicado de volume, coloque-a sobre um tabuleiro e faça-lhe um buraco no meio.

    Introduza um brinde (bem embrulhado em papel vegetal) e 1 fava, e deixe levedar mais uma hora.

    Pincele o bolo com gema de ovo, enfeite com frutas cristalizadas inteiras, terrões de açucar, pinhões, nozes, etc., e leve a cozer em forno bem quente.

    Depois de cozido pincele o Bolo Rei com geleia diluida num pouco de água quente.

    Broas de Natal

    Ingredientes:

     2 Kg de batata doce

    1,750 Kg de açucar

    1,5 kg de farinha de milho amarelo

    1 colher de sopa de canela

    1 colher de sopa de erva doce

    raspa da casca de 1 limão

    farinha de trigo

    gemas de ovos

    Preparação:

    Lavam-se as batatas e cozem-se em água temperada com um pouco de sal. Pelam-se as batatas e reduzem-se em puré.

    Pesa-se este puré e separa-se 2 kg.

    Leva-se o açucar ao lume com um copo de água de cozer as batatas e deixa-se ferver até fazer o ponto pérola (108º C). Junta-se o puré da batata e deixa-se ferver até se ver o fundo do tacho.

    Entretanto, peneira-se a farinha para um alguidar. Junta-se-lhe a canela, a erva-doce e um pouco de sal.

    Junta-se a farinha ao puré da batata, mexendo sempre até a batata absorver completamente a farinha.

    Esta operação deve de ser feita à noite, deixando assim até ao dia seguinte.

    No dia seguinte retiram-se bocadinhos de massa que se moldam em broas numa tábua polvilhada com farinha de trigo.

    Dispõem-se as broas em tabuleiros untados préviamente com azeite. Pincelam-se com gemas de ovo e levam-se a cozer em forno quente.

    Pudim de Natal

    Ingredientes:

    100g de açucar mascavado

    100g de banha

    6 colheres de sopa de Brandy

    0,5 colher de chá de canela em pó

    100g de farinha

    raspa de laranja q.b.

    raspa de limão q.b.

    75g de miolo de amêndoa

    0,5 colher de chá noz-moscada

    2 ovos

    75g pão ralado

    175g de passas

    100g de pêssego

    175g de sultanas

    sumo de limão q.b.

    Preparação:

    Numa tigela misture os pêssegos com as passas, as sultanas, o miolo de amêndoa, a raspa da laranja, a raspa e o sumo de limão.

    Numa outra tigela peneire a farinha e junte a canela, a noz-moscada, o miolo de pão, a banha e o açúcar mascavado. Deite os ovos e misture bem.

    Adicione a este preparado os frutos secos, mexa, tape e deixe em repouso até ao dia seguinte.

    Unte com manteiga uma forma de pudim. Junte à massa o brandy e deite na forma.

    Leve o pudim a lume brando, em banho-maria, e deixe que ele coza durante umas 2 horas.

    Uma vez cozido, deixe que o pudim arrefeça completamente e desenforme-o.

    Na hora de levar para a mesa flameja-o.

    Para tal, teve um pouco de brandy  ao lume dentro de uma concha de sopa. Puxe o fogo ao brandy e deite-o cuidadosamente sobre o pudim.

    Sonhos

    Ingredientes:

    30g de açúcar

    50g de manteiga

    200g de farinha

    50g de farinha maisena

    4dl de água

    5 ovos

    casca de limão

    sal

    Ingredientes para calda:

    500g de açúcar

    1 casca de limão

    1 casca de laranja

    1 pau de canela

    Preparação:

    Num tacho põe-se a água, a manteiga, o açúcar, a casca de limão e uma pitada de sal.

    Leva-se ao lume e, quando levantar fervura, tira-se a casca de limão e juntam-se as farinhas, previamente peneiradas e misturadas. Mexe-se muito bem com uma colher de pau até fazer uma bola.

    Tira-se do lume e deita-se num alguidar, mexendo sempre com a colher de pau até arrefecer completamente. Juntam-se os ovos um a um, batendo sempre entre cada adição até o ovo estar completamente absorvido.

    Fritam-se colheradas desta massa em óleo abundante, mas um pouco quente (150º C).

    O lume deve estar no mínimo para que a temperatura se mantenha durante a cozedura dos sonhos.

    À medida que estes vão alourando, picam-se com um garfo ou com uma agulha de tricô.

    Servem-se regados com a calda de açúcar.

    Preparação da calda:

    Levam-se ao lume a ferver 3 dl de água com açúcar. Juntam-se um pau de canela, as cascas de limão e laranja e deixa-se ferver durante 15 minutos.

    Retiram-se as cascas, deixa-se arrefecer e serve-se.

    Rabanadas

    Ingredientes:

    12 fatias de pão de véspera (cacete)

    5 dl de leite

    1 colher de sopa de manteiga

    350g de açúcar

    2 paus de canela

    2 casquinhas de limão

    8 gemas

    1 clara de ovo

    canela em pó

    1 cálice de vinho do Porto (facultativo)

    Preparação:

    Leva-se o leite ao lume com manteiga, três colheres de sopa de açúcar, um pau de canela, uma casca de laranja e uma pitada de sal. Deixa-se ferver durante 5 minutos.

    Passam-se as fatias por este leite e dispõem-se numa travessa ou sobre uma toalha para absorver o leite.

    Noutro recipiente largo e baixo, leva-   -se o restante açúcar ao lume com 4 dl de água, um pau de canela e uma casca de limão. Deixa-se ferver durante 10 minutos.

    Entretanto, batem-se muito bem as gemas com a clara.

    Passam-se as fatias de pão pelos ovos, introduzem-se duas a duas na calda de açúcar a ferver, e deixam-se cozer, primeiro de um lado depois do outro.

    Entre a cozedura de cada par de rabanadas, adiciona-se um cálice de água fria à calda.

    Polvilham-se as rabanadas com canela e, finalmente, regam-se com a calda a que se adicionou um cálice de vinho do Porto. Servem-se no dia seguinte.

    Aletria

    Ingredientes:

    100g de aletria

    4 dl de açúcar

    150g de manteiga

    3 gemas

    casca de limão

    canela

    Preparação:

    Coze-se a aletria em água durante 5 minutos e escorre-se.

    Em seguida, leva-se o leite ao lume juntamente com casca de limão, açúcar e a aletria e deixa-se cozer.

    Depois de a aletria estar cozida, junta-se a manteiga e, fora do lume, misturam-se as gemas previamente batidas.

    Leva-se ao lume apenas para que as gemas cozam ligeiramente.

    Serve-se a aletria polvilhada com canela.

     

     

     

    Obrigada pela visita.

           Volte Sempre!!! 


    Segunda-feira, 17 de Dezembro de 2007

    Canções de Natal

      

     

     

     

     

     

     

    A Todos um Bom Natal

     

     

    Refrão

    A todos um Bom Natal

    A todos um Bom Natal

    Que seja um Bom Natal, para todos vós

    Que seja um Bom Natal, para todos vós

     

    No Natal pela manhã

    ouvem-se os sinos tocar

    E há grande alegria, no ar

     

    Refrão

    A todos um Bom Natal

    A todos um Bom Natal

    Que seja um Bom Natal, para todos vós

    Que seja um Bom Natal, para todos vós

     

    Nesta manhã de Natal

    Há em todos os países

    muitos milhões de meninos, felizes

     

    Refrão

    A todos um Bom Natal

    A todos um Bom Natal

    Que seja um Bom Natal, para todos vós

    Que seja um Bom Natal, para todos vós

     

    Vão aos saltos pela casa

    Descalças ou com chinelos

    Procurar suas prendas, tão belas

     

    Refrão

    A todos um Bom Natal

    A todos um Bom Natal

    Que seja um Bom Natal, para todos vós

    Que seja um Bom Natal, para todos vós

     

    Depois há danças de roda

    as crianças dão as mãos

    No Natal todos se sentem irmãos

     

    Refrão

    A todos um Bom Natal

    A todos um Bom Natal

    Que seja um Bom Natal, para todos vós

    Que seja um Bom Natal, para todos vós

     

    Se isso fosse verdade

    Para todos os meninos

    Era bom ouvir os sinos tocar

     

    Refrão

    A todos um Bom Natal

    A todos um Bom Natal

    Que seja um Bom Natal, para todos vós

    Que seja um Bom Natal, para todos vós

     

     

    Alegrem-se os Céus

    e a Terra

     

     

    Refrão

    Alegrem-se os céus e a terra

    Cantemos com alegria

    Já nasceu o Deus Menino

    Filho da Virgem Maria

     

    entrai pastorinhos, entrai

    por este portal sagrado

    Vinde adorar o menino

    Numas palhinhas deitado

     

    Refrão

    Alegrem-se os céus e a terra

    Cantemos com alegria

    Já nasceu o Deus Menino

    Filho da Virgem Maria

     

    Em Belém à meia-noite

    meia-noite de Natal

    Nasceu Jesus num presépio

    Maravilha sem igual

     

    Refrão

    Alegrem-se os céus e a terra

    Cantemos com alegria

    Já nasceu o Deus Menino

    Filho da Virgem Maria

     

    Ai que Menino tão belo

    Ai que tanta graça tem

    Ai que tanto se parece

    Com a virgem sua mãe

     

    Refrão

    Alegrem-se os céus e a terra

    Cantemos com alegria

    Já nasceu o Deus Menino

    Filho da Virgem Maria

     

     

    É Natal

     

     

    É Natal, é Natal

    Tudo bate o pé

    Vamos pôr o sapatinho

    Lá na chaminé

     

    Olha o Pai Natal

    De barbas branquinhas

    Traz o saco cheio

    De lindas prendinhas

     

    Pai Natal irá trazer brinquedos para nós

    para a Zeca uma boneca, para o Zito um apito

    Uma bola para saltar é o que quer o Baltazar

     

    É Natal, é Natal

    Tudo bate o pé

    Vamos pôr o sapatinho

    Lá na chaminé

     

     

    Os Sinos de Belém

     

    Refrão

    Em Belém, em Belém

    O sino a tocar

    Vem lembrar, vem lembrar

    Que já é Natal

    (repetir refrão)

     

    Vamos a correr

    Pelos campos fora

    Para ver Jesus

    Que nasceu agora

    Jesus pequenino

    Tão lindo que é

    Junto de Maria

    E do S. José

     

    Refrão

    Em Belém, em Belém

    O sino a tocar

    Vem lembrar, vem lembrar

    Que já é Natal

    (epetir refrão)

     

    Canta a voz do sino

    Cantemos também

    Ao Jesus Menino

    Que está em Belém

    Jesus pequenino

    Vinde adorar

    Diz a voz do sino

    Sempre, sempre a badalar

     

    Refrão

    Em Belém, em Belém

    O sino a tocar

    Vem lembrar, vem lembrar

    Que já é Natal

    (Repetir refrão)

     

     

     

     

     

     

     

     

     

    tags:
    Cris às 00:01
    | comentar | favorito
    Domingo, 16 de Dezembro de 2007

    Prendas de Natal

     

     

    Seja bem vindo!!!

     

     

    Aqui vais encontrar lindos marcadores de livros, para ofereceres no Natal.

    Poderás apenas imprimi-los, e oferecer assim, ou então poderás colocar uma mensagem ao teu gosto, escrevendo em cada um deles, ou apenas colocar o nome a quem se dirige, ficando assim um marcador personalizado.

    Se o quiseres colocar mais bonito, podes fazer um furinho na parte superior ao centro e colocar uma fitinha de cetim, ou qualquer outra ao teu gosto.

    Não te esqueças que deves de imprimir numa folha de cartolina, para que fique rijo.

    Vais ver que todos vão adorar. Diverte-te!

       

      

      

      

      

    Para copiares os marcadores clica com o botão direito do rato em cima da imagem, e depois escolhe a opção: salvar imagem como...

    seguidamente é só colocares numa pasta tua e servires-te deles quando quiseres.

     

       Volte sempre!!!

     

    tags:
    Sexta-feira, 14 de Dezembro de 2007

    ...

    Seja bem vindo!!!

  • O agricultor é a pessoa que cultiva a terra, trata dos campos e se dedica a cuidar dos animais: ovelhas, vacas, galinhas, etc. O dia do agricultor começa muito cedinho, quando o galo canta e mal o Sol nasce.

  • Para começar, tem que tratar dos animais: dar de comer a todos, ir buscar o leite das vacas, os ovos das galinhas e tudo o mais. Às vezes só depois é que vai tomar o seu pequeno-almoço.



  • Durante a manhã vai para o campo e trata das plantas que cultivou. Muita coisa se faz com a ajuda do tractor, mas muitas coisas têm de ser feitas só com a sua força e saber.

  • Depois do almoço continua, ou com os mesmos trabalhos ou com outros.

  • No campo há sempre tarefas diferentes: semear, plantar, mondar, regar, sachar, cavar, ceifar, podar, debulhar, e muito mais. Se tiveres quem te explique, pergunta o que são todos estes trabalhos.

  • Ao fim da tarde volta a tratar dos animais, verifica o que ainda há para fazer e finalmente vai descansar.

  • Para ser agricultor é preciso conhecer bem como se trata da terra e dos animais, ter alguma força e gostar de andar ao ar livre.

  • 005ctkrq

    Obrigada pela visita!!!

    Cris às 00:01
    | comentar | favorito
    Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2007

    Decorações de Natal

     

     

    005qk29h

     

     

     

    Uma ideia para decorar a árvore de Natal, as janelas ou simplesmente pendurar onde quisermos.
    Por que não oferecê-las?

    É preciso:
    • cartolina de várias cores
    • tesoura (usa-a com cautela)
    • furador ou agulha grossa (cuidado, também)
    • lápis, borracha (e, se quiseres criar mais motivos, cola para os aplicares na cartolina, etc.)

    cartolina

    tesoura
    lápis
    borracha
    cola

    Como fazer:

     


    1 - Recortam-se em cartolina forte decorações de Natal como as que mostramos aqui ao lado. Podem fazer-se do tamanho que se achar melhor.


    2 - Se se quiser, podem fazer-se outros motivos.

    3 - Faz-se um furinho na parte de cima de cada uma. Pode ser feito com um furador ou com uma agulha grossa.
    4 - Passa-se um fio e dá-se um nó, de modo a formar um modo de pendurar.

    E pronto: colocam-se na árvore de Natal. Fica lindo!

     

     

    005qeps4

    Obrigada pela visita.
    Volte sempre!!!

     

     

     

    tags: ,
    Cris às 00:01
    | comentar | favorito
    Terça-feira, 11 de Dezembro de 2007

    Dia Internacional da Unicef

     

     

     

    000xq59h

     

     

     

     

     

     

    A UNICEF é uma agência das Nações Unidas que tem como objectivo promover a defesa dos direitos das crianças, ajudar a dar resposta às suas necessidades básicas e contribui para o seu pleno desenvolvimento.

     

     

    A UNICEF rege-se pela Convenção sobre os Direitos da Criança, e trabalha para que esses direitos se convertam em princípios éticos permanentes e em códigos de conduta internacionais para as crianças.

     

     

    A UNICEF é a única organização mundial que se dedica especificamente às crianças. Em termos genéricos, trabalha com os governos nacionais e organizações locais em programas de desenvolvimento a longo prazo nos sectores da saúde, educação, nutrição, àgua e saneamento e também em situações de emergência para defender as crianças vítimas de guerras e outras catástofres. Actualmente, trabalha em 158 países de todo o mundo, sendo Portugal um deles.

     

     

     

     

    Cris às 00:01
    | comentar | favorito

    .Para Você

    Anjinhos
    Animais
    Bublle
    Cutes
    Meninas
    Meninas2
    Meninos
    Natal
    Bonecas
    Bonecas Palito
    Selos
    Barrinhas
    Mini barrinhas
    Hello Kitty
    Fadas
    Flores
    Dolls
    Dolls2


    .Blogs Que Visito



    Mariposa




    *andando-e-pensando
    *olha_por_mim
    *Já Cheguei






    .links

    .Créditos



    Clique aqui e tenha acesso  ao Site Tony Gifs & Javas

    Coisinhas e Tal

    O melhor site de GIFs!

    VICKYS.com.br

    *LadyLony*

    Tony Gifs & Javas




    Cantinho dos Miudos



    . Prémios que Ganhei



    *1º Prémio